5 Fortes razões para não trabalhar sozinho

A ideia de trabalhar sozinho é bastante tentadora de início. Não há conversas cruzadas, barulhos irritantes e interrupções constantes de colegas. Parece um sonho. Trabalhar com calma, sem pressões de um chefe controlador. Mas como no melhor pano cai a nódoa, surgem várias desvantagens em trabalhar sozinho a curto prazo.

Mesmo que seja um super homem ou uma super mulher, ganha mais em trabalhar em equipa, ligando-se a uma aliança de super heróis.

1. Duas cabeças pensam melhor do que uma

Ter boas ideias é sempre mais fácil com duas cabeças a pensar do que apenas com uma.

Quem trabalha sozinho não cria dinâmicas à volta do seu trabalho, nem tem uma segunda opinião para retirar dúvidas sobre algo, para além de não ter quem corrija um erro que passe despercebido.

2. O silêncio torna-se ensurdecedor

Por mais prazeroso que seja o silêncio e o sossego, chega uma altura em que essa benesse se transforma em maldição, uma altura em que se ouvem os próprios pensamentos e batimentos cardíacos, sendo difícil encontrar motivação e concentração.

3. O isolamento tem efeitos muito negativos para o trabalhador

Trabalhar isolado durante muito tempo, sem interagir com outras pessoas pontualmente, pode dar lugar a paranoia ou mesmo a depressão. Uma pessoa habituada a estar sozinha pode depois sentir-se nervosa e desconfortável ao encontrar-se num contexto social.

4. As ameaças são invisíveis e mais temíveis

Uma pessoa isolada trabalha calmamente, mas o stress está lá todo na mesma, apenas mais camuflado (e mais difícil de combater).

Como se trabalha sozinho, não há até forma de saber o que a chefia está a planear e como está a avaliar o desempenho de um trabalhador. A pessoa isolada é sempre a última a saber algo.

5. A criatividade sai para dar lugar à repetição

Se teoricamente a pessoa está livre para trabalhar a gosto e para criar, na prática ela acaba por transformar a sua criatividade em rotina, utilizando os mesmos processos e as mesmas ideias dia após dia, dada a inexistência de dinâmicas no seu trabalho e de interações.

Veja como trabalhar sozinho eficazmente para vencer estes contratempos.

Para experimentar trabalhar acompanhado pode visitar espaços de coworking em Portugal.