Imposto Único de Circulação em 2017

O Imposto Único de Circulação 2017 subiu de valores em relação a 2016, nomeadamente em 0,8%, o valor da inflação em 2016.

Aumentos no Imposto Único de Circulação em 2017

O IUC sofreu um agravamento de 0,8% em 2017 tanto para veículos de categoria A matriculados até 1 de julho de 2007 como para veículos matriculados após julho de 2007, quer na componente de cilindrada quer na de emissões de CO2.

Em 2017 há ainda um imposto adicional de IUC para viaturas novas poluentes.

Consulte a Tabela do Imposto Único de Circulação 2017.

Pode ser-lhe útil um simulador de IUC.

Quando pagar o Imposto Único de Circulação?

O Imposto Único de Circulação deve ser pago num prazo máximo fixado entre o início do mês anterior ao da matrícula portuguesa e o final do mês da matrícula do carro.

Os condutores que pagam pela 1ª vez o Imposto Único de Circulação têm um prazo de 90 dias, a partir da data da matrícula, para efetuar o pagamento do imposto.

O pagamento do Imposto Único de Circulação é feito no Portal das Finanças. É neste site que pode saber o valor do IUC a pagar.

Veja como obter referência para pagamento do IUC.

Cálculo do Imposto Único de Circulação

O valor do Imposto Único de Circulação é determinado a partir da soma entre o valor a pagar por cilindrada mais o valor a pagar por emissões CO2. Este valor é depois multiplicado pelo coeficiente de atualização para o ano da compra.

Tabela dos Coeficientes de atualização

  • Adquiridos em 2007 - 1,00;
  • Adquiridos em 2008 - 1,05;
  • Adquiridos em 2009 - 1,10;
  • Adquiridos em 2010 e seguintes - 1,15.

Confira quem tem isenção de IUC.