Despesas que Entram no IRS 2015

Consulte quais são as despesas que entram no IRS 2015, a entregar em 2016, assim como os seus limites. Estas são as despesas que podem ser deduzidas no IRS, baixando assim o valor de IRS a pagar.

Despesas gerais familiares

As despesas de supermercado são um exemplo de encargos que entram na categoria das despesas gerais familiares.

O limite de dedução é de 250€ por membro do agregado familiar.

Despesas de saúde

São várias as despesas de saúde dedutíveis no IRS 2015, desde material ótico a produtos farmacêuticos, de prémios de seguros de saúde a terapeutas da fala, de dentistas a produtos ortopédicos.

O limite de dedução de saúde é de 1.000€.

Despesas de educação

É possível deduzir despesas de educação e formação dos membros do agregado familiar que estejam isentas de IVA ou que sejam tributados à taxa reduzida. De fora desta categoria ficam as despesas taxadas a IVA de 23%, como o material escolar e as refeições escolares fornecidas por empresas de restauração.

O limite de dedução de educação é de 800€.

Despesas de pensões de alimentos

Pode-se deduzir 20% das importâncias pagas de pensões de alimentos. Elas devem ser comprovadamente suportadas por sentença ou acordo judicial.

Despesas de rendas

Entre as deduções com imóveis encontram-se as despesas de rendas de habitação permanente.

O limite de dedução é de 502€ (majorado para 800 euros se o rendimento coletável for inferior a 7.000 euros).

Despesas de reabilitação urbana

Os montantes suportados pelo proprietário referentes à reabilitação de imóveis localizados numa área de reabilitação urbana também entram no IRS.

O limite é de 500€.

Despesas de juros de empréstimos habitação

Pode-se deduzir no IRS 2015 até 15% dos montantes pagos em juros de dívidas de crédito à habitação, de contratos celebrados até 31 de dezembro de 2011.

O limite é de 296€.

Despesas de lares

As despesas com lares e o apoio domiciliário entram no IRS. A dedução inclui despesas do próprio, de ascendentes e de colaterais até ao 3º grau com rendimentos menores que 530€.

O limite é de 403,75€.

Despesas com IVA suportado

Algumas despesas com o automóvel (reparação em oficinas) podem entrar no IRS, assim como as despesas em restaurantes, em cabeleireiros e hotéis.

O limite é de 250€.

Despesas com PPR

Também existem benefícios fiscais com os PPR – planos de poupança-reforma.

O limite varia de 300€ a 400€, de acordo a idade.

Despesas com donativos

As deduções com donativos no IRS não têm limite no caso de instituições do Estado. Nas restantes o limite é de 15%.

Despesas com regime público de capitalização

Permite-se deduzir 20% dos valores aplicados em certificados de reforma do Estado.

O limite é de 350€.

Para ter direito à dedução de IRS é necessário pedir fatura com número de contribuinte e validar as faturas no portal e-fatura.