6 Más razões para começar o próprio negócio

As razões para começar o próprio negócio podem ser de diferente ordem. Se algumas razões parecem pertinentes, outras prometem condenar um projeto logo à partida. Estas últimas são as más razões para se iniciar um negócio, as que devem ser evitadas a todo o custo.

1. Detestar o emprego ou o patrão

As razões para começar o próprio negócio devem estar centradas no produto ou no serviço oferecido, na viabilidade de um projeto e na possibilidade de oferecer algo com valor no mercado.

Tomar a decisão de criar o próprio emprego só por não se gostar do que se faz ou de com quem se trabalha de momento não soa uma decisão ponderada.

2. Querer mandar e não responder a ninguém

Querer ser o próprio chefe traz uma ilusão de que se trabalhará menos e de que não será preciso responder a ninguém. Contudo, na prática, o chefe é mais requisitado do que o trabalhador, a toda a hora, estando mais preso às solicitações dos clientes, dos trabalhadores e dos fornecedores, por exemplo, e tendo de fazer mais decisões.

3. Querer divertir-se

Lançar o próprio negócio pode ser divertido, mas também pode ser uma dor de cabeça. Entre as características de um empreendedor de sucesso encontram-se a determinação e o compromisso. O empreendedor que não se comprometer a 100% com o seu negócio está condenado ao fracasso.

4. Trabalhar com os amigos

Uma das vantagens de ter o próprio negócio é conseguir escolher as pessoas com quem se trabalha. Não obstante, trabalhar com os amigos ou familiares pode ser contraproducente ou conflituoso, devendo-se tomar a decisão de construir o próprio negócio sempre com base no valor deste e não na possibilidade de se trabalhar com pessoas conhecidas.

5. Ter o lucro a curto prazo em vista

Entrar num negócio pelo dinheiro que ele pode gerar não é nenhum pecado. O que é um erro é pensar que o lucro surge a curto prazo, sem grande esforço. Os custos para abrir uma empresa são imensos, assim como os desafios iniciais. Só após muitas batalhas é que um negócio começa a gerar o tão desejado lucro.

6. Querer ser famoso

A admiração, o respeito ou a fama que se ganha através de um negócio bem-sucedido é apenas um extra. Olhar para um negócio como uma forma de publicidade pessoal ofusca a atenção a prestar e a própria natureza de um negócio.

Depois da cara suja da moeda, o brilho da coroa da moeda. Consulte as boas razões para começar o seu próprio negócio.