O abono de família foi alargado em 2017, com o ressurgimento do 4º escalão, eliminado em 2010. O regresso deste escalão em abril de 2017 deverá beneficiar 30 mil crianças, segundo as estimativas do Governo.

Valores do 4º escalão do abono de família

O Ministério da Segurança Social vai alargar o abono de família pela recuperação do quarto escalão de rendimentos. Têm assim também direito a abono de família as crianças até aos 3 anos de idade cujos pais se enquadrem no quarto escalão de rendimentos.

Estas crianças recebem 9,46€ no primeiro semestre de 2017 e 18,91€ no segundo semestre do ano. Em 2019 este valor deverá chegar aos 56,45€.

As crianças ou jovens com deficiência podem receber também bonificação por deficiência se os pais estiverem inseridos no quarto escalão de abono de família.

Antes desta alteração em abril de 2017, dos quatro escalões de rendimentos, apenas os três primeiros têm direito a esta prestação social. Contudo, os beneficiados têm direito a receber em abril o abono com os retroativos de janeiro de 2017.

O quarto escalão engloba os rendimentos maiores do que 8.847,72€ anuais. Uma família com um rendimento mensal bruto até 2100€ ainda deverá ser incluída no 4º escalão, uma vez que este escalão tem um rendimento de referência entre 1,5 vezes e 2,5 vezes o valor do IAS (cerca de 1053€).

Conheça os quatro escalões de rendimentos e a fórmula de cálculo dos escalões ao pormenor.