Por: João Paulo Moura

Como trabalhar sozinho eficazmente

Trabalhar sozinho não é fácil. Sem estímulos do chefe e dos colegas de trabalho, quem trabalha sozinho está num deserto em constante batalha consigo mesmo e com as tentações em procrastinar.

É certo que a solidão é importante para a qualidade do trabalho. Picasso já dizia que não se pode fazer nada sem a solidão. Mas trabalhar constantemente sozinho é uma luta interior épica que requer armas de combate afiadas.

1. Descobrir o habitat natural

Cada pessoa tem a sua forma preferida de trabalhar e o seu local ideal para trabalhar. Enquanto alguns trabalham melhor num local público, outros preferem o conforto do lar. Para encontrar o fluxo de trabalho desejado, o recomendado é trabalhar no local onde a pessoa se sente mais à vontade para trabalhar.

Contudo, certas tarefas podem ser feitas noutros locais, o que convida a mudar de local de trabalho de vez em quando e a combater a rotina.

2. Esvaziar a mente

Antes de começar a trabalhar pode-se esvaziar a mente de preocupações e procurar a energia criativa, da forma que melhor funcionar para o trabalhador. Um exemplo é fazer exercício físico antes de trabalhar.

3. Ligar-se aos companheiros de trabalho

A solidão pode ser combatida com o contacto com os colegas de trabalho nas mesmas situações ou com os amigos, desde que o contacto com o mundo exterior não interrompa o ritmo de trabalho. Só o simples ato de ligar um chat e estar online, disponível para o mundo, suaviza a solidão.

4. Trabalhar com som ambiente

A chave para trabalhar sozinho com eficácia é isolar-se das pressões e distrações, para encontrar rapidamente a concentração e entrar no fluxo criativo. Para isso pode-se por exemplo colocar auriculares na cabeça e ouvir sons calmos, sejam ambientais ou música instrumental.

5. Fazer pausas efetivas

Existem pausas e não pausas no trabalho. A pausa para ir ao Facebook, para quem trabalha todo o dia ao computador, é uma não pausa. A pausa para sair de casa e ver as cartas na caixa de correio, por exemplo, já é uma pausa. O essencial é cortar com a monotonia do trabalho, distraindo a mente por minutos doutra forma.

6. Fechar a jornada de trabalho na altura certa

Quem trabalha até às 18h30 no escritório tem de ser produtivo até essa hora. Quem trabalha sozinho pode escolher a hora para trabalhar e a hora para parar de trabalhar. Erros ortográficos, dores nas mãos ou olhos, bocejos, são alguns dos sinais de que a produtividade já deixou o trabalhador.