Se gostava de trabalhar a partir de casa, o teletrabalho pode ser a solução para si.

O que é?

O Código do Trabalho dá-nos uma definição de teletrabalho: “prestação laboral realizada com subordinação jurídica, habitualmente fora da empresa e através do recurso a tecnologias de informação e de comunicação.”

Assim, o teletrabalho é uma prestação laboral realizada à distância, um trabalho que pode ser prestado em casa do trabalhador, ou noutro local fora da empresa, como seja um escritório partilhado, por exemplo.

Ofertas de teletrabalho

Suporte técnico de línguas, operador de call center outbound, trabalho de secretariado, tradutor, gestor de conteúdos, comunicador e comercial comissionista são alguns exemplos de empregos em teletrabalho disponíveis.

Pode procurar ofertas de emprego em teletrabalho em sites como:

Vantagens

Para o trabalhador, o teletrabalho apresenta vantagens como:

  • Menores custos, sem as deslocações e as refeições fora;
  • Maior autonomia de trabalho;
  • Poupança de tempo;
  • Flexibilidade de horários e de execução de tarefas;
  • Diminuição de stress.

Para o empregador, o teletrabalho também tem as suas vantagens:

  • Agilidade de realização de trabalhos;
  • Extensão e flexibilidade de horário de trabalhos;
  • Libertação de espaço na empresa;
  • Redução de custos na empresa;
  • Maior motivação e satisfação do trabalhador;
  • Captação de talentos espalhados pelo país ou pelo mundo;

Desvantagens

Mas o teletrabalho também apresenta desvantagens. Para o trabalhador:

  • As jornadas de trabalhos tendem a prolongar-se para além dos horários normais de trabalho;
  • Interrupções constantes no trabalho;
  • Isolamento, rotina e falta de criatividade;
  • Perda de ligação com a empresa;
  • Dificuldade em construir a carreira;
  • Dificuldade em separar vida pessoal e profissional;
  • Falta de condições de trabalho.

E para a empresa:

  • Menor controlo sobre o trabalho realizado;
  • Dúvidas na segurança da informação;
  • A falta de contacto pode gerar desentendimentos e conflitos;
  • Falta de ligação entre trabalhador e empresa.

Legislação

O regime do teletrabalho encontra-se no Código do Trabalho nos artigos nº 165 ao nº 171.

Para se realizar teletrabalho é necessário celebrar um contrato em que se especifica a prestação subordinada de teletrabalho entre a empresa e o trabalhador.

Porém, mesmo sem um contrato específico de teletrabalho, a lei permite trabalhar neste regime os pais com filhos até três anos e as vítimas de violência doméstica, quando o trabalho realizado seja compatível com a atividade e desde que a entidade patronal disponha de recursos para tal.