As taxas de IRS na Madeira são progressivas, isto é, aumentam à medida que cresce o rendimento sujeito a imposto. Variam entre 0% e 45,3%, para os contribuintes residentes na Madeira.

Taxas de IRS Madeira 2017

Um trabalhador dependente sem filhos está sujeitos às seguintes taxas de retenção:

Rendimentos até Taxa de IRS
615€0%
623€1,3%
645€3,7%
683€4,4%
736€5,5%
811€8,2%
919€10,7%
1.001€12,1%
1.061€13,1%
1.139€14,1%
1.221€15,0%
1.317€16,0%
1.419€17,0%
1.557€17,9%

Pode consultar todas as taxas de IRS em 2017 aplicáveis na Madeira, no Despacho n.º 55/2017, de 24 de janeiro.

Também pode constatar as taxas de IRS na Madeira nos vários anos e nos diferentes casos matrimoniais e de número de membros do agregado familiar na página de tabelas de IRS do Portal das Finanças.

Cálculo do rendimento coletável

Obtém-se pelo englobamento dos rendimentos líquidos das várias categorias, depois de feitas as deduções específicas.

Contribuinte Não Casado

A taxa de imposto é aplicada diretamente ao seu rendimento coletável. O quociente conjugal não é considerado.

Contribuintes Casados ou Unidos de Facto

A taxa é aplicada ao rendimento coletável dividido por dois.

Sempre que o valor apurado for positivo, há imposto a pagar, se for negativo, o contribuinte é reembolsado. O fisco não exige o pagamento de montantes inferiores a 24,94 euros, nem devolve valores inferiores a 9,98 euros.