5 Livros de finanças pessoais a ler com urgência

Pode melhorar as finanças pessoais através da leitura, nomeadamente de livros sobre finanças. Para mudar a forma de pensar e de agir com o dinheiro (e quem sabe se tornar num guru financeiro), pode ler os seguintes grandes livros de finanças pessoais.

1. Pense e Fique Rico

Napoleon Hill escreveu na década de 1930 um dos melhores livros sobre finanças, um livro de desenvolvimento pessoal que mudaria a forma de pensar de milhares de pessoas espalhadas pelo mundo sobre o dinheiro e que perduraria ao passar do tempo.

23937659.jpg

2. Pai Rico, Pai Pobre

Robert Kiyosaki cresceu com um pai rico a nível educacional, mas pobre a nível financeiro. Já o pai do seu melhor amigo era um milionário que tinha desistido da escola. O autor, que se reformou aos 47 anos, versa sobre as finanças das famílias, da perspetiva dos pais e dos filhos.

pairico-195x300.jpg

3. O Homem Mais Rico da Babilónia

George Samuel Clason foi um militar, homem de negócios e um escritor, que nos anos de 1920 se lembrou de mostrar o caminho para o sucesso financeiro com base nas parábolas da antiga Babilónia. O livro tornou-se um dos mais vendidos da sua área e um clássico intemporal.

6332184.jpg

4. Os Segredos da Mente Milionária

T. Harv Eker fala sobre a importância do modelo pessoal de dinheiro que todas as pessoas têm no seu subconsciente para alcançar o sucesso financeiro. O objetivo é substituir uma mentalidade destrutiva por formas de pensar e agir características dos ricos.

31199945.jpg

5. Pensar, Depressa e Devagar

Daniel Kahneman venceu o Prémio Nobel da Economia, sendo um psicólogo. Já daqui dá para perceber a importância da obra deste autor, que coloca em causa o modelo racional de tomada de decisões e a nossa forma de pensar acerca do dinheiro (e de tudo na vida, basicamente).

14624354.jpg

Existem vários benefícios em ler antes de dormir. Tente ler um pouco todos os dias antes de se deitar.

Fotos Goodreads.