Gestão por Competências: o que é?

Gestão por competências e gestão do conhecimento, já ouviu falar? São termos que têm vindo a ganhar destaque no mundo empresarial, na gestão de recursos humanos dentro das empresas.

Gestão por competência nas organizações

A gestão por competência é um sistema de gestão onde se dá primazia à exploração das competências dos profissionais da empresa para colmatar as necessidades e para se ir de encontro aos objetivos desta.

É uma alternativa aos modelos tradicionais dentro das organizações, onde o foco está no desenvolvimento das competências dos colaboradores, que não são apenas executantes de tarefas, mas sim peças fundamentais no sucesso empresarial. Assim, as preocupações da gestão empresarial e da gestão das pessoas/talentos convergem neste tipo de gestão.

Para obter uma eficaz gestão por competências na empresa, deve-se encarar o colaborador como um parceiro da empresa, no intuito de se incentivar a sua aprendizagem e o seu envolvimento nos objetivos do negócio e da empresa.

Benefícios

A gestão por competências e conhecimentos traz vantagens como:

  • aumento da integração e motivação do colaborador;
  • melhoramento do perfil do trabalhador;
  • aperfeiçoamento do trabalho do colaborador;
  • identificação das necessidades de melhoramento;
  • alinhamento de pessoas, estratégias e metas;
  • análise e avaliação do trabalho individual;
  • aumento da produtividade individual e geral.

Avaliação das competências

A primeira fase da gestão por competências e conhecimentos é a identificação comportamental e técnica dos colaboradores, para alinhamento entre o perfil ideal desejado para os cargos e os seus respetivos colaboradores. O resultado da avaliação ditará as competências comportamentais e técnicas que devem ser aprimoradas.

Refira-se que as competências a desenvolver nos trabalhadores devem estar de acordo com a missão e a cultura da empresa.

Plano de desenvolvimento das competências

Com base na avaliação das competências constrói-se um plano de desenvolvimento individual para os colaboradores da empresa, na ânsia de maximizar os seus perfis.

Este plano poderá ser edificado de formas diversas, de acordo com o perfil pessoal do trabalhador.

Monitorização do plano

Após a edificação de um plano, será necessário verificar se o processo de melhoramento lançado está a surtir efeitos no colaborador, através da monitorização.