Entrega do IRS em 2019

Andrea Guerreiro
Andrea Guerreiro
Mestre em Direito Fiscal

A entrega do IRS em 2019, referente aos rendimentos de 2018, é feita entre 1 de abril e 30 de junho de 2019 (mais um mês do que em 2018), independentemente da categoria de rendimentos do contribuinte.

Prazo único para o IRS 2019

À semelhança do que já acontecia em 2018, em 2019 existe apenas um prazo de entrega do IRS, independentemente da categoria dos rendimentos.

A entrega do IRS tem de ser realizada em formato eletrónico, não sendo possível a entrega do IRS em papel. 

O prazo não se prolonga para o dia útil seguinte

No ano 2019, o dia 30 de junho calha a um domingo. Apesar disso, o prazo de entrega do IRS não será prolongado para a segunda-feira seguinte, uma vez que a lei diz expressamente que o prazo acaba no dia 30 de junho "independentemente deste dia ser útil ou não útil" (art. 60.º, n.º 1 do CIRS).

Para saber os prazos de liquidação, reembolso e pagamento do IRS veja o artigo Prazo do IRS em 2019.

Prazos especiais

Alterações aos rendimentos declarados devem ser registadas nos prazos especiais de entrega do IRS. Saiba mais no artigo Prazos especiais de entrega do IRS.

Dicas para começar a preencher o IRS

Vai começar a preencher a declaração de IRS? Tome nota:

  • No caso dos rendimentos de categoria A e H a declaração será preenchida automaticamente;
  • Quem tem de entregar alguns dos anexos B, C, D, E, I, L tem de preencher a declaração online;
  • Se tiverem auferido rendimentos destas categorias no estrangeiro, os contribuintes terão de preencher o Anexo J;
  • Se tiverem benefícios fiscais, deduções à coleta, acréscimos ou rendimentos isentos sujeitos a englobamento apresentarão, com a declaração, o Anexo H;
  • A entrega do IRS com atraso origina o pagamento de multas, cujo valor varia em função do tempo de atraso. Saiba tudo no artigo Entrega do IRS com atraso.

Veja, também, o artigo 8 dicas para preencher a declaração de IRS.

Se tiver dúvidas em algum campo, na hora de preencher e entregar o IRS, consulte o artigo Glossário Essencial do IRS.

Andrea Guerreiro
Andrea Guerreiro
Licenciada em Direito pela Universidade Católica, em 2012, mestre em Direito Fiscal pela Universidade Católica. É advogada e professora.