Tem rendimentos prediais e está indeciso entre o englobamento ou a taxa liberatória? Tire as suas dúvidas em pouco tempo com o Economias.

Englobar

Se optar pelo englobamento dos rendimentos prediais, tem de declarar todos os rendimentos desta categoria sujeitos a taxas liberatórias. Com o englobamento irá apurar-se uma taxa a aplicar aos rendimentos, que pode ser inferior à taxa das rendas.

Tributar

A tributação autónoma dita que os rendimentos prediais sejam sujeitos a uma taxa liberatória de 28%. Ela pode ser mais cómoda para o sujeito passivo, mas este não conseguirá diminuir prejuízos se enveredar por esta via.

Decisão

Englobar ou tributar é uma decisão que varia de caso para caso. Geralmente, optar por englobar os rendimentos sai vantajoso a quem tenha rendimentos até aos 20 mil euros.

Já segundo as simulações da Associação Nacional de Proprietários (ANP), só é favorável tributar autonomamente os rendimentos prediais no caso dos senhorios com um rendimento global acima de 60 mil euros, a que corresponde um rendimento coletável incluído nos escalões acima de 40.000 euros.

Se tem dúvidas, confira em que consiste o englobamento.

A opção pelo englobamento ou tributação autónoma é feita no anexo F, quadro 5. Pode ver ainda como preencher o anexo F.

Ainda sobre o englobamento, esteja atento às alterações no arrendamento para senhorios, introduzidas em 2015.