É Melhor Poupar ou Investir?

Se é melhor poupar ou investir depende dos objetivos financeiros de cada um. Mas depende também do risco que está disposto a assumir com o seu dinheiro.

Gastar, investir e poupar são conceitos intrinsecamente ligados na economia. Até porque só consegue investir e gastar se poupar. Veja as diferenças entre poupança e investimento para concluir qual a melhor opção para o seu orçamento.

Poupar vs Investir

Poupar significa, grosso modo, gastar menos, evitar desperdício e guardar algum dinheiro. Para situações imprevistas ou para uma compra de um bem ou serviço que se planeou com alguma antecedência. Mas poupar significa também ter essa verba de lado sem risco. Daí que a aposta para quem poupa se centre nos depósitos a prazo ou certificados de aforro.

Já investir significa rentabilizar as poupanças. Trata-se de fazer multiplicar o dinheiro. Um investidor é aquele que destina parte dos seus rendimentos a um produto que possa fazer crescer o seu dinheiro, a sua riqueza. Pode fazê-lo numa empresa, em ações, em imóveis ou outros produtos financeiros.

Melhor investir ou poupar?

Mas o que nos diz a conjuntura? Será melhor poupar ou investir?

No atual cenário, poupar continua a ser a palavra de ordem. Já investir é um risco que poderá não se traduzir no retorno desejado. Sobretudo pela instabilidade dos mercados e pela tendência para os juros mais baixos.

E quando se trate de investidores pouco ou nada experientes, maior é o risco. O ideal é poupar valores de forma a poder movimentá-lo ou resgatá-lo quando bem entender. Se continuar a apostar na poupança e definir bem a sua estratégia de investimento, já terá um aporte inicial que lhe permitirá aceder a aplicações mais rentáveis, com menores custos associados e com maiores probabilidades de rentabilidade.

Se optou por poupar, veja algumas formas de poupar dinheiro.

Se está decidido a investir, siga estas dicas para investir melhor.