Conheça várias dicas para poupar no aluguer do carro para as suas férias. Desde a pesquisa à entrega do carro, há pequenos detalhes no processo de aluguer que podem fazer toda a diferença no valor final do serviço. Siga estas dicas e alugue um carro com preços low cost:

1. Usar um motor de busca que permita comparar vários serviços

O primeiro passo para garantir que não perde dinheiro é fazer a pesquisa do serviço de aluguer do carro em vários motores de busca que lhe permitam comparar os diferentes serviços. Sites como EasyCar, Rental Cars, SkyScanner, eDreams ou mesmo a Ryanair já lhe permitem fazer uma pesquisa comparativa dos vários serviços e são também os que apresentam opções mais económicas.

2. Comparar preços regularmente e reserve com alguma antecedência

Se ainda tem tempo, vá comparando os preços durante algum tempo (um mês, por exemplo) e reserve quando já tem a certeza das opções mais baratas. O importante é não deixar para a última da hora (como a semana ou dia anterior) porque isto pode aumentar em muito o preço final do aluguer.

3. Confirmar as coberturas dos seguros adicionados

Os seguros adicionais nunca são obrigatórios. Qualquer carro que alugue terá já incluído no preço os seguros obrigatórios para circular. No entanto, é importante ver quais os seguros adicionais disponibilizados e por que preços. Se vai andar de carro em zonas menos seguras, pode ser vantajoso ter um seguro contra todos os riscos, por exemplo. Consulte as franquias associadas ao seguro de cada serviço e que tipos de seguros estão já incluídos no preço mínimo. Consulte também a cobertura do seu seguro de viagem, uma vez que alguns deles cobrem situações relacionadas com aluguer de viaturas.

4. Verificar a política de combustível

Existem duas políticas de combustível nos serviços de aluguer de carros: full to full, em que o cliente recebe o carro com o tanque cheio de combustível e tem de entregá-lo também cheio, e full to empty, em que paga previamente o combustível. Esta última opção pode não ser vantajosa uma vez que raramente é feito o retorno do montante correspondente ao combustível não utilizado.

5. Verificar a política de quilometragem

Se está a pensar fazer grandes distâncias com o seu carro, deve procurar serviços com política de quilometragem ilimitada, para não se preocupar com a distância percorrida.

6. Retirar todos os upgrades

Não contrate os upgrades opcionais que lhe são propostos. Serviços adicionais como GPS, por exemplo, podem ser um custo desnecessário se tem um smartphone consigo.

7. Comparar valor da caução e taxas de cancelamento

Muitos serviços oferecem a possibilidade de cancelar o serviço, sem pagar qualquer taxa. Certifique-se que não tem de pagar nada, caso necessite de cancelar, e compare os valores das cauções de cada um dos serviços.

8. Definir com atenção os dias de recolha e entrega

Por vezes fica mais barato alugar o carro durante 3 ou 5 dias, do que fazer o aluguer por um número de dias definido por si. Ajuste os planos da sua viagem de modo a concentrar a utilização do carro nos dias em que vai ser estritamente necessário. Evite correr o risco de entregar o carro fora da hora acordada entre si e o serviço, pois o atraso de uma hora pode significar um dia extra na conta final.

9. Alugar um veículo adaptado às suas necessidades

Evite alugar carros muito luxuosos ou de um tamanho maior do que o que realmente necessita. Informe-se também sobre a eficiência do combustível, tendo em conta a viagem que vai fazer.

10. Evitar a recolha no aeroporto

Fazer a recolha de um carro no aeroporto pode adicionar taxas ao serviço. Compare os preços da recolha no aeroporto e da recolha no centro da cidade.

11. Escolher os melhores condutores

As taxas aplicadas ao serviço e aos seguros também mudam de acordo com a experiência e idade do condutor. Quanto mais experiência e idade tiver o condutor, mais barato pode ficar o aluguer. Só deve incluir os dados de um condutor adicional se for mesmo necessário. Mas recorde que os seguros só cobrem situações em que os condutores eram os definidos aquando da contratação do serviço.

12. Inspecionar o carro antes de sair e quando fizer a entrega

Por fim, deve inspecionar o carro antes do levantamento e aquando da entrega. Confirmar os dados da quilometragem, que o tanque está cheio e que não existem danos no carro, quando vai levantá-lo, é essencial para não ter surpresas no preço final do aluguer.