Dicas para Pagar um Empréstimo mais Rápido

Se não vê a hora de parar de pagar as prestações bancárias que tem em dívida, tome nota das seguintes cinco dicas e livre-se de uma vez por todas dos encargos com bancos.

Amortize o valor em dívida

Se tem disponível dinheiro para pagar uma parte relevante do valor em dívida, amortize a sua dívida. Tem várias vantagens: consegue reduzir a sua prestação mensal, reduzir os juros, seguro de vida (se for o caso), do seu contrato de crédito. No entanto, as amortizações antecipadas podem ter custos. Alguns bancos cobram comissões, embora esses custos sejam mais baixos que os juros e estejam limitados pelo Banco de Portugal a 0,5% do capital em dívida.

Aumente a prestação mensal

Quanto mais pagar mensalmente, mais depressa ficará livre do encargo com o empréstimo bancário. Tenha em atenção que deve assegurar, aquando da assinatura do empréstimo bancário, a possibilidade de fazer alterações ao empréstimo a médio ou longo prazo. Por exemplo, alterar o valor da prestação mensal, do tempo de empréstimo ou a possibilidade de poder amortizar o saldo em dívida na totalidade.

Reduza o prazo do empréstimo

Outra alternativa é reduzir o número de anos do empréstimo. O prazo médio dos empréstimos é cada vez maior, especialmente no crédito habitação.

Peça dinheiro emprestado

Se consegue arranjar outro empréstimo com uma taxa de juro mais baixa do que aquela que tem, pondere bem as vantagens e desvantagens de pagar o seu empréstimo e continuar a pagar outro, mas a uma taxa menor.

Negoceie com o seu banco

Se conseguir baixar a taxa de juro do seu empréstimo, mais rapidamente conseguirá pagar o valor total do empréstimo, pois passará a pagar menos todos os meses.