O Dia de Libertação de Impostos é a data em que os cidadãos deixam de trabalhar para pagar os impostos, começando finalmente a ganhar dinheiro para si. A data assinala o momento em que o país amealha dinheiro suficiente para pagar a carga fiscal anual (IRS, IVA e contribuições sociais).

Datas do Dia de Libertação de Impostos

A data do Dia de Libertação de Impostos ou Dia da Libertação Fiscal varia de país para país, ocorrendo em Portugal normalmente em junho. Em 2015 este dia surgiu a 12 de julho (162 dias do ano a trabalhar para pagar impostos) e em 2014 este dia registou-se a 6 de junho (157 dias a trabalhar para impostos), verificando-se uma tendência de atraso de ano para ano (o que na prática significa que é preciso trabalhar mais para pagar os impostos).

  • 2015: 12 de junho
  • 2014: 6 de junho
  • 2013: 4 de junho
  • 2012: 3 de junho
  • 2011: 29 de maio
  • 2010: 13 de maio
  • 2009: 12 de maio

Um possível aumento do IVA, por exemplo, leva a que se festeje também mais tarde o Dia da Libertação de Impostos.

Segundo o estudo de 2015, o Chipre é o primeiro país europeu a livrar-se dos impostos (a 31 de março) e a Bélgica o último (só consegue pagar os impostos na totalidade a 6 de agosto).