Crédito para estudantes universitários

O crédito para estudantes é facilitado pela linha de crédito bancário com garantia mútua, acordado entre o Ministério da Educação e Ciência e os bancos nacionais.

Pedir um crédito é uma das formas de ganhar dinheiro para a universidade.

O sistema de empréstimos com garantia mútua para estudantes do ensino superior foi criado com o Decreto-Lei n.º 309-A/2007, de 7 de Setembro, com o objetivo de financiar a realização de cursos de especialização tecnológica, licenciatura e mestrado, ERASMUS e outros programas de intercâmbio internacional de estudantes, estudos de doutoramento e pós-graduação.

Soluções de crédito para estudantes do ensino superior

Estes empréstimos para estudantes são garantidos pelo Estado, beneficiando de uma taxa de juro mínima, com um spread máximo de 1%, reduzida para os alunos que apresentem melhor aproveitamento escolar:

  • igual ou superior a 16 valores: spread de 0,20%
  • entre 14 e 16 valores: spread de 0,65%
  • inferior a 14 valores ou no início do curso: spread de 1%

Montante do crédito: Entre 1.000€ e 5.000€, por ano de curso, com um máximo de 25.000€ (cursos de 5 anos).
Para o ano letivo 2012/2013, o montante total disponível é de 18.925 milhões de euros.

Prazo de utilização:

Entre 1 e 5 anos de acordo com a duração do curso.

Entre 3 e 12 meses de acordo com o programa ERASMUS.

Período de reembolso: Os empréstimos são reembolsáveis entre 6 e 10 anos após a conclusão do curso, com pelo menos 1 ano adicional de carência de capital, consoante a duração dos cursos e empréstimos (de 3 ou de 5 anos, sendo o período de reembolso o dobro).

Empréstimo para estudantes: instituições aderentes

Os bancos aderentes ao crédito bancário com garantia mútua são os seguintes, que disponibilizam também outras ofertas a estudantes:

Para informações detalhadas sobre as condições dos empréstimos e do seu acesso deverá contactar as respetivas instituições.

Veja o artigo melhores soluções de crédito para estudantes universitários.