Ative as notificações para receber todas as novidades sobre Impostos, Finanças e Poupança.

Crédito Capitalizar: um novo financiamento para PME

Existe um novo financiamento para as pequenas e médias empresas (PME) em Portugal. Chama-se “Crédito Capitalizar”, foi lançado pelo Ministério da Economia e está disponível desde 1 de fevereiro de 2017 nos bancos que assinaram os protocolos deste crédito. 

Linhas de Crédito Capitalizar 

Existem 5 linhas de Crédito Capitalizar inseridas no programa Capitalizar e geridas pela PME Investimentos juntamente com o Sistema Nacional de Garantia Mútua.

Estas linhas pretendem emprestar dinheiro às empresas com prazos mais favoráveis e com spreads mais baixos, permitindo às pequenas e médias empresas obterem financiamento num contexto mais favorável. 

Cada uma destas linhas tem a sua dotação e os seus objetivos. Os montantes de financiamento por empresa variam entre 25 mil e 2 milhões de euros e os prazos de pagamento entre 3 e 10 anos. Já o spread estará entre 1,8% e 3,8% mais Euribor a seis meses.

O montante total de financiamento nestas 5 linhas é de 1.600 milhões de euros.

Linhas de crédito Dotação Objetivo
Micro e Pequenas Empresas 400 milhões de euros investimentos em ativos e reforço de capitais de PME
Fundo de Maneio 700 milhões de euros fundo de maneio das empresas com financiamentos de médio prazo
Plafond de Tesouraria 100 milhões de euros conferir maior flexibilidade à gestão corrente de tesouraria
Investimento Geral 100 milhões de euros financiar investimentos em ativos com elevado prazo de recuperação
Investimentos Projetos 2020 300 milhões de euros. alargar o financiamento de projetos aprovados no âmbito do Portugal 2020

O Crédito Capitalizar substitui a linha PME Crescimento 2015. Espera-se que este crédito consiga apoiar perto de 20.000 empresas em Portugal.

Pode conhecer melhor o Crédito Capitalizar no seu documento oficial de divulgação.