Como conseguir a atenção do recrutador rapidamente

Muita se fala sobre como se deve escrever um currículo e uma carta de apresentação ou de motivação. Porém, pouca atenção se dá aos detalhes, que podem desde logo conseguir chamar a atenção de um recrutador.

Enviar um e-mail exemplar

No e-mail de candidatura há dois pormenores a ter em conta. O primeiro é o assunto do e-mail. Deve-se responder consoante o que é pedido no anúncio de emprego. Caso não seja explicado como deve ser enviado o e-mail, pode-se puxar um pouco pela imaginação, sobretudo numa vaga de emprego mais criativa. Se o anúncio de emprego dizia “procura-se criativo…”, o assunto do e-mail pode ser “encontrou-se criativo, não procure mais…”, por exemplo.

Em candidaturas para empregos mais formais deve-se colocar o nome da vaga (e o nome do candidato, se assim se desejar, para melhor identificação na caixa de correio por parte do recrutador).

Outro pormenor é a caixa de correio escolhida para o envio. Tenha cuidado com o nome do endereço eletrónico. Opte por um e-mail profissional (com o nome da pessoa) e não por um nome de fantasia que assusta qualquer recrutador.

Ter cuidado com o currículo

Deve prestar atenção também ao nome do ficheiro que contém a sua experiência profissional, o afamado currículo. São milhares de pessoas que se candidatam ao mesmo emprego, não sendo fácil se destacar no meio da multidão. Opte por colocar o seu nome (em vez de simplesmente intitular o currículo de curriculum vitae.doc ou .pdf). No caso de vagas menos formais, acrescente uma frase criativa para completar:

  • João Silva.doc ou João Silva.pdf (para associar o CV à candidatura);
  • João Silva, Gestor de Vendas.doc ou .pdf (para familiarizar o recrutador e passar-lhe uma imagem subliminar);
  • João Silva, Rei da Publicidade Desde 2001.doc ou .pdf (para candidaturas na área criativa).