Como Calcular o IVA

Não sabe como calcular o IVA? Nós ajudamos a fazer a conta para saber afinal quanto está a pagar ao Estado.

Regra geral, o Imposto sobre o Valor Acrescentado (IVA) já está refletido no preço do produto ou serviço que adquire, mas com base em diferentes taxas. Pode ter no entanto de acrescentar o IVA.

Taxas de IVA em vigor

Antes de aplicar a fórmula de cálculo, há que saber quais as taxas em vigor. Em Portugal, temos a normal, a intermédia e a reduzida, Mas variam consoante esteja no Continente, nos Açores ou na Madeira.

Tipo de TaxaPortugal ContinentalMadeiraAçores
Normal23%22%18%
Intermédia13%12%10%
Reduzida6%5%5%

Exemplo de como calcular o IVA

Sabendo qual a taxa aplicável, já pode calcular o IVA. Vejamos um exemplo.

Apresentam-lhe um orçamento de 50,00 euros para reparar o seu computador, sublinhando que se trata do valor sem IVA. Se estiver no Porto, por exemplo, e sendo este um serviço taxado à taxa média de 23%, calcula da seguinte forma o imposto:

50,00 x 0,23 = 11,50

Os 11,50 que resultam da multiplicação não são mais do que o correspondente aos 23% de IVA. Para encontrar o valor final a pagar, basta somar esse valor ao preço base de 50,00 euros. Logo, pagaria pela reparação 61,50 euros.

Pode chegar de forma mais rápida, e mais simples, a este valor final se não tiver interesse em saber a quanto equivale exatamente a taxa de IVA aplicável. Bastaria efetuar a seguinte operação:

50,00 x 1,23 = 61,50

A fórmula para calcular o IVA é idêntica para todas as taxas do imposto em vigor. Basta substituir os 0,23 por 0,06 ou 0,13 (se estiver no Continente) ou, no segundo caso, pelos 1,06 ou 1,13.

Se lhe apresentam o preço já com IVA e quer saber quanto pagaria se não existisse o imposto ou se a transação fosse isenta, descubra como retirar o IVA a um valor.