Como Calcular o Desconto Mensal de IRS

Para calcular o desconto mensal de IRS do seu ordenado tem de recorrer às tabelas de retenção de IRS que são publicadas no início do ano.

Tabelas de retenção

As tabelas de retenção ditam diferentes valores de acordo com a situação dos contribuintes.

Um trabalhador a residir em Portugal Continental, solteiro, sem filhos, a receber 1000 euros mensais, por exemplo, vê o seu salário reduzido em 13,5%, ou seja 135 euros, de acordo com a tabela. Fica então com 865 euros mensais.

Cálculo do salário líquido

Além deste desconto há que ter em conta as contribuições para a Segurança Social e a sobretaxa extraordinária.

No mesmo exemplo, há-que descontar 110 euros (os 11% da Segurança Social). Restam assim 755 euros.

Para chegar à sobretaxa extraordinária é preciso descobrir o valor da tabela da sobretaxa. Neste exemplo o valor da sobretaxa é de 1%

É preciso subtrair agora um salário mínimo nacional (530 euros), restando 225 euros (755 - 530). É a este valor que se aplica a sobretaxa extraordinária do respetivo escalão de rendimentos (1%). Assim, no exemplo dado, o contribuinte pagaria 2,25 euros de sobretaxa (225 x 1% de sobretaxa), ficando com um salário líquido de 752,75 euros (755 – 2,25).

Feitas todas as contas, de 1000 euros brutos mensais ficam-lhe apenas em mão 752,75 no final do mês. No final destas contas pode ainda somar os subsídios de férias e de Natal em duodécimos, se aplicáveis. Em todo o caso pode experimentar o Simulador de Salário Líquido do Economias.