As 7 qualidades que os patrões mais admiram nos trabalhadores

Tem estas qualidades? Então está com sorte. Estas são as qualidades que os patrões mais admiram nos seus trabalhadores, sendo que nas entrevistas de emprego muitos recrutadores estão atentos aos indícios da sua posse.

Boa comunicação

Comunicar é essencial no trabalho, sobretudo em equipa. A boa articulação, a capacidade de compreensão e de explicação é fundamental numa empresa. Se detém boa comunicação oral e escrita, você é um trabalhador de luxo para o seu patrão. O bom comunicador pode dar formação, pode ser o porta-voz da empresa ou o responsável pela comunicação escrita da empresa.

Flexibilidade

A capacidade de adaptação e de ser um trabalhador flexível é um dos aspetos mais apreciados pelos patrões. Como as exigências e as necessidades de trabalho multiplicam-se constantemente, e como a contratação de novos trabalhadores normalmente não, os patrões preferem ter a seu lado trabalhadores flexíveis, capazes de mostrar polivalência e rapidez de adaptação a novas tarefas e realidades.

Eficiência

Mesmo que nunca o diga, o patrão tem um gosto especial pelo trabalhador capaz de resolver problemas sem grande esforço, e que cumpre com tudo o que lhe é pedido a tempo e horas.

Sinceridade

O patrão não tem tempo para controlar o trabalho do seu empregado. Mas ele espera contar com a honestidade do trabalhador em todos os gestos deste. É como ter um filho mais velho, independente, no qual se pode confiar na organização do trabalho e no seguimento dos ensinamentos. O trabalhador honesto, responsável e ético, é menos uma preocupação na mente do patrão e isso é benéfico para ambos.

Esta é uma das qualidades que podem ser confundidas com defeitos pelo trabalhador.

Determinação

Um patrão quer ter perto de si aqueles que têm a mesma mentalidade que ele: os trabalhadores positivos, determinados e esforçados. Como a empresa precisa de esforço para chegar ao topo, ela precisa de trabalhadores determinados e esforçados.

Pensamento crítico

O patrão valoriza igualmente o trabalhador capaz de pensar por si mesmo e de analisar uma situação, colocando estratégias de ação e soluções na mesa. É preciso ter trabalhadores que não se limitam a seguir e a executar, mas que em vez sabem ser curiosos e criativos.

Independência

O trabalhador que faz o seu trabalho com clarividência e independência, sem perturbar o patrão, não é esquecido por este. De mãos dadas com a independência costuma andar a liderança, e ter menos questões para resolver é um mimo para o patrão.

Saiba como melhorar a relação com o patrão.