Ative as notificações para receber todas as novidades sobre Impostos, Finanças e Poupança.
Por: João Paulo Moura

7 Razões Incríveis Para o seu Despedimento

A esta altura já conhece as razões mais comuns para o despedimento. E que tal as razões improváveis? No mundo laboral todo o cuidado é pouco. Conheça 7 razões incomuns (mas possíveis) para o seu despedimento.

Queixas

Queixar-se da sua vida pessoal no trabalho pode fazer com que se queixe do seu despedimento na sua vida pessoal. Deixe as queixas e a sua vida pessoal em casa, não leve isso para o trabalho.

Escolher lados

Escolher lados dentro da empresa pode resultar mal se o lado que escolheu for o errado. O melhor é manter-se como a Suíça: em neutralidade.

Uso de redes sociais

Há uma linha que separa o mundo pessoal e o mundo profissional. Cruzar essa linha é sempre um perigo. Fazer um mau uso das redes sociais (ou usar as mesmas em demasia durante o horário de trabalho) pode levá-lo ao despedimento. Se escrever que está aborrecido no trabalho no Facebook não espere bons resultados.

Uso de telemóvel

O (ab)uso do telemóvel pessoal também o pode despedir. Usar o telemóvel no trabalho tem as suas regras, que convém respeitar.

Não suar a camisola

Pode pensar que basta chegar a tempo ao trabalho e fazer o que lhe é pedido mas se não se esforçar como é esperado, tem a porta de saída aberta, mesmo que nada o faça prever.

Falta de educação

A boa etiqueta é desejada em todo o lado, trabalho incluído. Alguma falha com os clientes, com os colegas e com os superiores pode ser fatal. Se responder torto a algum superior já sabe que nada de bom espera por si.

Calar-se

A comunicação também pesa no ambiente de trabalho. O silêncio pode ser mal entendido, pelo que é melhor conversar e tirar dúvidas, quando algo não foi bem assimilado.