O dinheiro está a matar-nos? Estas razões dizem que sim. Se por um lado o dinheiro traz felicidade, por outro ele também traz stress, sedentarismo, infelicidade e depressão, o que pode acabar por matar uma pessoa.

Tornou-se um vício

Existe um lado escuro na riqueza e desvantagens em ser rico. O dinheiro torna-se um vício. Quanto mais se tem, mais se quer. E tudo o que é em demasia faz mal, podendo levar uma pessoa a entrar num ciclo vicioso de manter aparências e de loucura.

Retira sanidade

Quanto cabelo já perdeu por causa do trabalho? Quantas noites mal dormidas passou? Quanto stress acumula diariamente no seu trabalho? É tudo pela falta que o dinheiro faz e pelo quanto ele custa a ganhar.

A paz é uma das coisas mais importantes do que o dinheiro.

Risco de acidente

Se tem uma profissão perigosa, em contacto diário com máquinas cortantes e outros tipos de perigos, o trabalho pode literalmente matá-lo.

Risco de saúde

O trabalho está a matá-lo silenciosamente. Os perigos de trabalhar muito tempo sentado são imensos. Diabetes, obesidade, problemas no coração, nos ossos, nos músculos e cancro são alguns dos riscos que corre.

Má alimentação

O trabalho não lhe deixa tomar um pequeno almoço completo nem um almoço saudável. Sempre que está a comer fast food e refeições incompletas está a negligenciar o seu organismo.

Conheça a lista dos trabalhos que mais e menos calorias gastam.

Suicídio

O dinheiro não consegue comprar várias coisas. Mas a sua falta pode ter consequências extremas. Entre as causas do suicídio está a bancarrota, a dívida e a dificuldade económica. Este é o indício mais forte que o dinheiro está de facto a matar-nos.

Mas estamos sempre a tempo de travar o poder do dinheiro e a desanuviar o seu peso. Confira o nível de stress no trabalho em Portugal e como o combater.

Veja como deixar de se preocupar com o dinheiro.