6 Questões a fazer a si mesmo na hora de começar o seu negócio

Além de reunir determinadas condições para começar o seu próprio negócio, é preciso primeiro colocar algumas questões a si mesmo, para ter a certeza que a ideia tem pés para andar. Pense criticamente nas próximas questões, antes de começar o seu negócio.

1. O que traz de novo o meu negócio?

O seu negócio tem de oferecer algo de novo, diferente. Não é preciso reinventar a pólvora mas é necessário introduzir melhorias.

2. Qual o rumo da indústria?

É importante conhecer o mercado onde se trabalha. Sem saber para onde ele caminha, nem vale a pena começar a explorar a ideia. É preciso estudar o mercado antes de se lançar de cabeça a uma ideia. Se a indústria em questão for estável e a ideia tiver uma ponta de diferença comparativamente ao que já existe, aí sim, já pode valer a pena.

3. Não será melhor vender a ideia?

Algumas ideias têm um custo enorme se forem levadas para a frente pelas próprias mãos. O negócio pode nem arrancar, pelo preço do produto. Existe sempre alguém que produz e vende mais barato. Pode ser melhor vender a ideia a outros que tenham capital e meios para explorar a ideia.

4. O custo ideal para a produção é competitivo?

Será possível produzir a um custo competitivo? Se o produto não for manufaturado a um preço baixo, a ideia pode nunca passar a ser realidade.

5. Qual a procura para o meu negócio?

Por mais interesse que o seu negócio tenha para si, é preciso ter a certeza que existe também um mercado interessado nele. Para descobrir isso é necessário testar o mercado, expondo a ideia a possíveis interessados.

6. Qual o meu plano de negócios?

Para ajudar na concretização de um negócio é essencial fazer um plano de negócios. Este será o guia do negócio a explorar, para tornar o sonho de ter um negócio próprio uma realidade.

Descubra se chegou realmente a altura de começar o próprio negócio.