5 Coisas sobre Dinheiro que Devia Saber Antes de Casar

Eis o que precisa saber e fazer antes de casar relativamente a finanças conjugais. Amor e dinheiro são dois ingredientes poderosíssimos, a saber juntar no mesmo prato.

Não ter dívidas

Nenhum membro do casal deve estar endividado. Não se deve casar endividado. As dívidas de um afetam diretamente o outro, não sendo possível pedir um empréstimo, por exemplo.

Dividir despesas

Existem boas razões para manter o dinheiro separado do cônjuge. Mas também existem fortes razões para se abrir uma conta conjunta, onde cada um contribui como pode e usa como deve. Dividir despesas é um dos hábitos dos casais saudáveis financeiramente.

Unir esforços

Ter dinheiro separado é uma forma de sabotar os benefícios fiscais do casamento. A menor retenção na fonte é um exemplo de vantagens económicas do casamento.

Falar sobre dinheiro

O dinheiro é um tema delicado que dá facilmente azo a discussões. É essencial saber falar abertamente de dinheiro com a cara metade.

Descubra as 7 conversas monetárias a ter antes de casar.

Poupar

Estabelecer um plano poupança conjunto antes do casamento é uma das dicas para se saber gerir o dinheiro a dois. Este dinheiro pode ser utilizado para despesas, necessidades, emergências, férias ou outros desejos do casal.

Conheça formas de poupar para casar.