Se não quer ter o seu dinheiro parado, escolha entre uma das nossas sugestões de bons investimentos a longo prazo. Porque quanto mais alargado o período de investimento, mais rendimento poderá obter. Normalmente, são investimentos a mais de três ou quatro anos.

Eis algumas formas de dar tempo ao dinheiro para trabalhar por si:

Obrigações do Tesouro

As Obrigações do Tesouro são uma boa opção para investir a longo prazo, com capital garantido. Os rendimentos podem chegar aos 4,7% se mantiver as Obrigações do Tesouro até à data de vencimento. Esta é a receita para tirar a maior rentabilidade líquida do investimento. Antes de adquirir Obrigações do Tesouro deverá ter em conta a sua cotação.

Carteira de fundos

Para rentabilizar as suas poupanças pode ainda optar por constituir uma Carteira de Fundos de Investimento. Esteja atento às perspetivas dos mercados de ações e obrigações para associar fundos de diferentes categorias.

Pode optar por fundos mobiliários ou imobiliários, mas terá mais benefícios se restringir o seu investimento a fundos portugueses.

Ações

A longo prazo, a compra de ações revela-se um investimento rentável, desde que aposte numa carteira diversificada por empresas de países e sectores distintos. Ao comprar uma ação, está a garantir a sua participação no capital de uma empresa, logo, também tem direito a uma fatia dos lucros, aquilo a que habitualmente se chamam dividendos.

Apesar do risco elevado, os dados mostram que uma carteira diversificada tem retornos significativos. Aliás, quando se fala em investimentos a longo prazo, mais risco é habitualmente sinónimo de mais lucro, já que os investidores exigem numa maior taxa de retorno.

Se é dos investidores que não quer esperar tanto tempo para ver as suas poupanças aumentarem, veja as nossas sugestões de 3 bons investimentos a curto prazo.