É muito fácil um trabalhador não gostar de um patrão. As razões para isto acontecer são variadas, das mais óbvias às mais subtis. Confira onde deu já razões aos seus funcionários para não gostarem de si.

1. A diferença de tratamento

Se trata um trabalhador de forma diferente dos outros, mostrando a sua preferência, já está marcado para os outros trabalhadores. Tal como numa relação amorosa, o trabalhador tem ciúmes da atenção especial que dá a determinados funcionários.

2. Fazer ameaças

O chefe ameaçador, que está sempre a criticar e a gritar para os seus funcionários, é o chefe mais rapidamente detestado de todos. Se não for respeitoso para um trabalhador, este não é respeitoso para um chefe.

3. Muita rigidez

Por vezes um chefe exige demasiado de um trabalhador, com horas extra, esquecendo-se que este tem uma vida para além do trabalho. É uma forma muito simples de cair no desprezo do trabalhador.

4. Apontar o dedo acusador

Se em vez de tentar perceber as razões pelas quais algum trabalho falhou, prefere atirar todas as culpas para cima do trabalhador, este vai ter todo o tipo de sentimentos negativos em relação a si, não tendo esta situação retorno.

5. Não supervisionar

Caso não acompanhe o trabalho dos seus funcionários, estes se sentirão menosprezados por si.

6. Supervisionar em demasia

Se andar sempre em cima do colaborador, sobretudo se ele for um bom trabalhador e der bem conta do recado sozinho, também chateia o trabalhador.

7. A falta de conhecimento

Se estiver a tomar decisões sem ter uma noção do que se passa e do que está a fazer (quando o trabalhador sabe perfeitamente), ou se estiver a dizer-lhe como deve trabalhar (quando ele o sabe bem melhor do que você), o “ódio” por si pode germinar.

8. A falta de liderança

O trabalhador tem de ser gerido e guiado por um líder, por alguém competente que sabe o que está a fazer e que explica ao trabalhador o que é preciso fazer. O caminho dele é seguir. O que acontece por vezes nas grandes empresas é um trabalhador ficar no esquecimento, tendo ele um objetivo a cumprir, mas sem saber como o pode alcançar.

9. A sensação de invisibilidade

Da mesma forma, se não souber o que eles estão a fazer, e o contributo que eles dão para a empresa, eles sentir-se-ão invisíveis.

10. A falta de crédito

Uma das grandes razões para um trabalhador se despedir está na falta de crédito dado por parte do patrão. Quando um colaborador não vê o seu trabalho ser reconhecido, ficando até o patrão com todo o mérito, ele tende a procurar emprego noutro local.