Subsídio Social de Desemprego

O subsídio social de desemprego é uma prestação mensal atribuída pela Segurança Social quando o beneficiário não tem direito ao subsídio de desemprego, por não ter trabalhado o tempo suficiente, no caso do subsídio social de desemprego inicial.

A atribuição do subsídio social de desemprego subsequente acontece quando, terminado o prazo da concessão das prestações do subsídio de desemprego, o beneficiário ainda se encontra desempregado.

Ao contrário do subsídio de desemprego em que são exigidos 450 dias de trabalho por conta de outrem, com registo de descontos para a Segurança Social, o subsídio social de desemprego só requer 180 dias de trabalho, com registo de remunerações nos 12 meses imediatamente anteriores à data do desemprego.

Montantes a auferir no subsídio social de desemprego

  • 100% do IAS, para os beneficiários com agregado familiar – 419,22 euros;
  • 80% do IAS, para beneficiários isolados – 335,37 euros.